Cine Belas Artes BH e Kinorama

08/08/2017

Parceria Kinorama e Cinema Belas Artes leva o cinema sob demanda a Belo Horizonte

Capital mineira já é a sétima em contar com o inovador modelo

Cine Belas Artes BH e Kinorama

Na contramão dos que imaginam as épocas de crise como momentos de estagnação, o Kinorama e o Cinema Belas Artes de BH celebram sua parceria em clara aposta pela inovação e pela busca por novos formatos e oportunidades de realizar o encontro do público com a sétima arte. Minas, como o terceiro estado brasileiro em números de público e de salas de exibição (atrás apenas de São Paulo e Rio de Janeiro), passa a contar, a partir dessa parceria, com o novo formato de sessões sob demanda que traz ao público a possibilidade de demandar, promover e financiar coletivamente sessões dos filmes que deseja ver nas salas de cinema.

Por sua vez, a parceria dará ao Cinema Belas Artes a oportunidade de maior aproximação com o público que passa a ter, através do Kinorama, uma forma efetiva de participar ativamente da programação dos filmes em cartaz no cinema. Com o catálogo do Kinorama à disposição do público e do cinema, os títulos em cartaz irão além dos disponíveis nas três salas do Belas Artes. Serão estes e todos aqueles que o público e os fãs do cinema desejarem levar para a sala escura. Outra aposta da parceria é o aumento significativo da média de ocupação do cinema, já que as sessões do Kinorama acontecem quando a campanha atinge um público mínimo igual ou superior a 60% da capacidade da sala de exibição.

O Kinorama já realizou sessões de cinema sob demanda em Brasília, Porto Alegre, Rio de Janeiro, Salvador e São Paulo, sempre demandadas, apoiadas e divulgadas diretamente pelo público e por seus embaixadores. As sessões realizadas têm a expressiva média de 85% de ocupação, mais de três vezes a média nacional.

A campanha para a primeira sessão sob demanda da parceria, será do filme “Capoeira, um passo a dois”, dirigido por Jorge Itapuã e produzido pela Daza Filmes. O filme, um híbrido entre documentário e ficção, mostra o relacionamento entre um mestre e sua discípula, que sofre uma transformação radical quando eles seguem numa jornada para conhecer a capoeira pelo mundo. Após verem os ingressos se esgotarem nas sessões sob demanda do filme, no Rio de Janeiro e em Porto Alegre, o público de BH tem a oportunidade de participar ativamente da sua estreia em Minas. Para que a sessão aconteça é preciso alcançar 60% de venda dos ingressos, durante o período de financiamento da sessão, que vai de 04 a 17 de setembro, acessando a campanha em https://kinorama.co/sessao/capoeira-um-passo-a-dois-bh01.